• Aghata Valentim

O trabalho do Psicólogo

A finalidade de um trabalho de um psicólogo é interferir, a partir dos conhecimentos da Psicologia, em aspectos da dimensão subjetiva da realidade para potencializar os sujeitos na direção de maior autonomia e autoria de suas histórias de vida.

Esse tipo de interferência pode ser feito na relação com um sujeito que, por exemplo, sofre com alguma vivência ou experiência, ou ainda em um conjunto de pessoas que produziram registros (regras ou leis coletivas) que as impedem de conseguir o que planejaram. Podemos então avançar para a ideia de que os psicólogos agem com a finalidade de contribuir para que a atuação das pessoas seja mais potente, no sentido de ser mais adequada para conseguir maior satisfação para si e para o conjunto social onde estão inseridas. Pode-se resumir essa finalidade no termo: promoção de saúde.

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), saúde é o “estado de bem-estar físico, mental e social”. Saúde se refere, portanto, a um conjunto de condições, criadas coletivamente, que permitem a continuidade da própria sociedade. Estamos falando, portanto, das condições de alimentação, de educação, de lazer, de trabalho, de participação social etc. que permitem a um conjunto social produzir e reproduzir-se de modo saudável.São os sujeitos que compõem a sociedade que produzem as suas próprias condições de vida, e as condições pessoais que apresentam para isso são do campo das preocupações dos psicólogos. Um sujeito fragilizado por um medo, por uma experiência de abandono ou de humilhação, ou mesmo por uma doença, torna-se um parceiro social com dificuldades de construir as condições dignas de vida para si e para todos; apresenta dificuldades de ser mais autônomo e mais autor de sua vida. Assim, um conjunto social de pessoas pode também passar por dificuldades para realizar seus projetos comuns porque se encontra fragilizado por relações tensas, por regras que não respondem aos interesses, por falta de engajamento e pertencimento ao coletivo ou por enfrentarem preconceitos e situações de desigualdade entre elas. Os psicólogos estão atentos a essas situações e trabalham para promover saúde.Os psicólogos não interferem somente onde ocorre o sofrimento. Eles atuam em situações de planejamento ou de construção de políticas públicas, dando visibilidade à dimensão subjetiva que acompanha esses projetos. Nesse sentido, humanizam políticas e planos, pois contribuem para que os sujeitos sejam referência fundamental dos projetos.Com essa finalidade clara e com os recursos técnicos e teóricos da Psicologia, os psicólogos trabalham em diversas e diferentes situações e locais, com pessoas de diferentes idades, gênero e necessidades. As condições que se apresentam como realidade de vida dos sujeitos e os recursos que se tem para a mudança são importantes para a interferência profissional dos psicólogos e para o alcance de seu objetivo de promover saúde.A saúde dos indivíduos e do coletivo está diretamente ligada às condições materiais de vida, pois a miséria material – caracterizada por fome, condições precárias de habitação, desemprego, analfabetismo, altas taxas de mortalidade infantil entre outros aspectos – torna-se, nessa visão, a condição que prejudica o desenvolvimento do indivíduo. Poderíamos usar a seguinte imagem para tornar mais claro nosso pensamento: Como construir um mundo psíquico com matéria-prima inadequada? Com elementos produtores de sofrimento ou poucos recursos para um bom desenvolvimento, as construções (os registros) serão frágeis.Os psicólogos trabalham então pra promover saúde, isto é, trabalham para que as pessoas desenvolvam uma compreensão cada vez maior e melhor da inserção de cada um nas relações sociais e de sua contribuição histórica e social como ser humano. Busca-se interferir nos registros, promovendo ressiginificações que carreguem uma compreensão mais rica em termos de número e de relações entre aspectos da realidade que permitem interfeir nela em direção à construção de um mundo melhor.A finalidade do trabalho do psicólogo é importante pois nos permite defender que esses profissionais não atuam de forma estreita, pois mesmo atendendo a pessoas no espaço de quatro paredes (consultório), esse trabalho tem relação com a vida coletiva da sociedade na qual o próprio trabalho do psicólogo se insere.

Fonte: Psicologias uma introdução ao estudo de Psicologia/ Ana Mercês Bahia Bock e outros. Edição 2008.

#profissão #psicologia #trabalho

4 visualizações

CONTATO

REDES SOCIAIS

  • Facebook ícone social
  • Instagram

© 2018 - 2020 por Sua Psicóloga Online