• Aghata Valentim

Saiba porque procrastinamos e como parar

Atualizado: 8 de Out de 2019

A procrastinação toma muitas formas, e se apóia em traços esquivos que acabam nos prejudicando a longo prazo. Aqui estão as principais razões pelas quais procrastinamos – e como parar.


1. A busca da perfeição


Um projeto deixado por fazer ainda tem potencial para a perfeição. Um relatório não escrito não tem erros de digitação. Um programa não codificado, sem bugs. Em uma mentalidade perfeccionista, quando você trabalha, corre o risco de estragar alguma coisa. E isso é um pensamento assustador para alguns. Ao procrastinar, nos atemos a um padrão impossível – e, como resultado, nunca conseguimos nada digno de nota.


A ciência apóia esta teoria: um estudo indicou que os estudantes que tiveram alta pontuação em medidas de perfeccionismo também tinham fortes tendências para procrastinar.


Mas como você esmaga suas tendências perfeccionistas e volta à rotina? Um terapeuta pode ajudá-lo a trabalhar as causas do seu perfeccionismo, como a ansiedade. Além disso, há alguns exercícios que você mesmo pode fazer, como mudar o modo como considera “sucesso” e ser gentil consigo mesmo.


Uma vez que você aprenda a encarar a possibilidade de falha, iniciar projetos se torna muito mais simples.


2. Baixos níveis de energia


Às vezes nós procrastinamos porque não podemos fazer mais nada: o pensamento de abrir nosso laptop, sentar em nossa mesa e escrever 10 páginas (10 páginas !?) parece impossível. Pode haver várias causas para baixa energia.


Primeiro, faça um teste de hábitos saudáveis. Você está comendo muita besteira? Bebendo demais? Dorme menos de oito horas por dia? Não se exercita? Qualquer um desses problemas pode ser o culpado pela procrastinação. Mas se você está fazendo tudo certo pelo seu corpo, é hora de chamar um profissional.


Um médico pode verificar o seu sangue: você pode ter anemia, uma tireoide hipoativa, ou baixa B-12. Eles também podem revisar seu histórico médico para qualquer outro diagnóstico que possa levar a baixa energia.


Depressão também pode causar baixa energia. Um terapeuta pode ajudar a fazer essa avaliação e obter a ajuda de que você precisa.


3. Incapacidade de se concentrar


Você quer trabalhar no seu projeto. Você realmente tenta, mas toda vez que você abre seu computador, você se vê navegando no Facebook ou em site de notícias – e de repente oito horas de entretenimento passaram, e você escreveu talvez dez palavras.


Melhorar o seu foco não é impossível. Diversas técnicas ajudam você a aprimorar a tarefa, como uma breve meditação, desconectar-se da tecnologia ou ouvir música de fundo calmante. Mas se a atenção não estiver ajudando, considere verificar com seu terapeuta. Você pode ter TDAH.


Um profissional de saúde mental pode determinar se você tem comportamentos relacionados que indicam um diagnóstico de TDAH, ou outros fatores que também estejam causando sua procrastinação.


4. A tarefa é vaga ou incerta


Às vezes, evitamos fazer um projeto porque não sabemos o que o projeto realmente implica. Talvez as instruções sejam vagas, ou o escopo é enorme – deixando você agitado.


Para resolver a tarefa e corrigir esse problema, pegue sua caneta e papel (ou qualquer ferramenta de brainstorming que funciona melhor para você). Anote tudo o que precisa ser feito, começando com os menores aspectos. Para um longo trabalho de pesquisa, “ir à biblioteca” ou “fazer uma pesquisa no Google” são passos aceitáveis.


Encontre uma tarefa fácil, fácil de gerenciar e vá de lá. E se o monstro de procrastinação se erguer novamente, sinta-se à vontade para repetir esse processo. 


5. Deixar pra depois


É muito comum, ao saber que precisamos executar alguma tarefa, “deixar para depois”.


Avaliamos que não é tão urgente ao ponto de você precisar realizar essa tarefa de imediato. E, quando você percebe está cheio de tarefas acumuladas.


Já deve ter ouvido aquele velho ditado: “não deixe para depois o que você pode fazer agora”. E isso é muito benéfico, sabe porquê? Quando você realiza todas as suas tarefas sem deixar nada para depois, sobra tempo para você fazer outras coisas, como praticar algum hobby ou até mesmo cuidar mais de você.


Procure ajuda


A procrastinação é um desejo frustrante. É claro que queremos que o projeto seja feito. Mas às vezes nós simplesmente não conseguimos fazer isso. Identificar a causa raiz de sua hesitação é a chave para fazer o trabalho necessário.


Um terapeuta ou conselheiro pode ensinar-lhe métodos para ajudar a trabalhar no que quer que esteja impedindo você de concluir tarefas ou projetos importantes. Eles também fornecem um nível seguro de responsabilidade que pode ser acompanhado semanalmente. Considere este tipo de ajuda se a procrastinação está afetando seu desempenho ou felicidade em áreas críticas como trabalho ou relacionamentos.




#procrastinação #saudemental #suapsicologaonline

CONTATO

REDES SOCIAIS

  • Facebook ícone social
  • Instagram

© 2018 - 2020 por Sua Psicóloga Online